segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Pessoas Intensas




Desconhecia totalmente a história e o repertório da cantora Maysa, somente seu nome e pronto. Mas ao me deparar com sua vida retratada na TV, pude imaginar como foi "ser Maysa", essa mulher bem polêmica, mas muuuuito intensa e apaixonada por tudo que fazia.

Apesar de alguns defeitos graves (mas quem não os tem que cale a minha boca então), conseguiu arrancar minha atenção por ser uma pessoa de atitude e de coragem pra dizer o que pensa e o que quer. 

Comecei a refletir sobre o que é ser assim, uma pessoa intensa, misturando pontos positivos e negativos.

Percebi que muitos na sociedade não entendem as pessoas intensas. Honestamente, penso que há níveis de desenvolvimento interior que nos diferenciam, seres humanos, uns dos outros. Não sei se há melhores ou piores.

A hipocrisia impera em alguns. No fundo desejariam elas serem iguais e não tiveram coragem de assumir?

Desejos reprimidos transformados em covardes julgamentos.

Assim defino,

Liberdade é o melhor sinônimo para pessoas intensas. Precisam ter seu espaço.

O segundo lema é: Viver um grande amor. Amam como se aquela fosse a primeira vez ou como se aquela fosse a última chance de amar.

Buscam insensantemente a felicidade, pois não se consideram felizes, apenas tem crises de felicidade.

Pessoas intensas não gostam de seguir regras.

São muito transparentes, mas por serem assim, são alvo fácil de gente com caráter duvidoso.

Deteeeeeeeestam pessoas comuns, previsíveis.

São atraídas por pessoas inteligentes, com boas e interessantes conversas. 

Choram pra valer. 

Riem pra valer.

São super críticas, exigentes, mas ao mesmo tempo calorosas nas emoções. 

São especialmente sensíveis, se apegam e lembram dos detalhes mais sutis.

Por natureza são animadas, vivazes, se desequilibram e se recuperam rapidamente.

Tem facilidade de aprendizado e uma boa imaginação, de uma criatividade incessante.

Pessoas de ações impulsivas, com mudanças bruscas de humor.

Com pensamentos rápidos, e rapidez ao falar e agir mas com tendência à dispersão. Muito comum os outros perguntarem aonde estão os pensamentos.

Quem aguenta e entende coisa tão complexa? Doce complexidade eu diria.

Maysa ganhou mais uma "fã".

Pessoas intensas podem morrer antes do previsto, mas nunca podem ser acusadas de não terem lutado e tentado fazer seu melhor. E quando aprendem uma lição, pode não parecer, guardam para sempre as lições ensinadas e, principalmente, QUEM as ensinou.



por Yv Luna




4 comentários:

Chá das 5 a meia-noite disse...

Adorei e concordei com tudo o que vc escreveu sobre a Maysa e as pessoas intensas. E com certeza "ser Maysa" tinha um preço muito alto. Ah, gostei do seu blog.

Géssica disse...

Adorei tudo que vc escreveu, texto inteligente intenso...AMEI parabéns!

Camila disse...

Obrigada por me entender, isso alivia, sabe.

Ana Carolina disse...

Assim como a camila que comentou eu tbm agradeço e confirmo que é verdade . Adorei seu texto Parabéns