domingo, 22 de março de 2009

Equinócio de Outono


Mabon é o festival wiccan realizado para a celebração do equinócio de outono. Pronúncia do nome Mabon: “mêi-bon”.

O equinócio de outono ocorre por volta de 21 de março no hemisfério sul. No hemisfério norte, é celebrado por volta de 21 ou 22 de setembro (as datas dos equinócios e solstícios variam de ano para ano). Em 2009, foi celebrado no dia 20 de março, no Brasil.

Esses dias são pontos de equilíbrio, onde dia e noite se igualam. No entanto, enquanto o equinócio de primavera é um período de equilíbrio para preparar-se para a ação, o equinócio de outono é um período de equilíbrio para preparar-se para o repouso, que vem no inverno.


Este é o segundo dos feriados da Colheita. A fraqueza do Deus já se faz sentir, e as plantações vão aos poucos desaparecendo, enquanto os estoques se enchem. Derrama-se leite sobre a TERRA para agradecer pela fertilidade e bondade da terra. Agora, nos fechamos, e nossos corações voltam-se para nós mesmos.

Período Negro do ano se aproxima aos poucos. É uma data especial para invocarmos espíritos familiares, guardiões e antepassados, para pedir sua ajuda e aconselhamento no período mais negro da Roda em pouco tempo se fará presente.

No Panteão Celta, Mabon, também conhecido como Angus, era o Deus do Amor. Nessa noite devemos pedir harmonia no amor e proteção para as pessoas que amamos. É época de agradecer também aos nossos ancestrais pelo sangue que corre em nossas veias, pelas características genéticas que deles herdamos e pelas dádivas que eles nos deixaram e nos transformaram naquilo que somos hoje. Reflita sobre as alegrias de sua vida, a liberdade e a maravilha da humanidade como um todo e abençoe todos ao seu redor que colaboram para a sua vida ser da maneira como é hoje.

O Altar deve ser enfeitado com as sementes que renascerão na primavera. O chão deve ser forrado com folhas secas. O deus está agonizando e logo morrerá. Esse falecimento pode ser visto também na Natureza que prepara-se para a chegada do Inverno. O Deus agora é louvado em seu aspecto de semente e a Grande Mãe em seu aspecto de Provedora.


O que é essencial, em cada sabá, é você saber observar a Natureza, ver suas mudanças, entender seus ciclos e o momento que está vivendo.



(fontes: bruxaria.net/oldreligion)

Um comentário:

Chá das 5 a meia-noite disse...

Feliz Mabon para vc doce Yvanna.

Eu,por estar perto da linha do Equador estou no Equinócio da Primavera.Inclusive é lei estadual no Ceará, o reconhecimento da primavera sendo em 21 de março.Sei não...esse deputado acho que...

Bom domingo e boa semana.Beijo.