domingo, 1 de novembro de 2015

"Tudo quanto agride a terra, agride aos filhos dela..."


Nenhum comentário: